terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Pássaro que mia??? É sim!!! Eu vi e ouvi!

"Oh, Minas Gerais... oh, Minas Gerais, quem te conhece não esquece jamais... Oh, Minas Gerais."
Está quase chegando o dia de voltar à minha "Belém do Grão Pará", minha mangueirosa... quente e úmida... de cheiro de manga, açaí, cupuaçú... mas o que levo daqui é bem mais que lições de aulas maravilhosas, de professores competentíssimos, imagens que ficarão na memória e sons também.
Aliás, a postagem de hoje é justamente sobre um som... e confesso, o mais curioso que já ouvi em toda a minha vida.
Mas deixa eu contar esta história:
No primeiro dia de aula do mestrado, estava eu, lá na sala, atenta às explicações, mas um som não me deixava em paz: era o miado de um gato... parecia gatinho novo, de no máximo um mês de vida.
Bem... quem me conhece sabe, que eu sou apaixonada por gatos (tenho 16)... aquele som, portanto, não me deixava acomodar... eu pensava: será que esse gatinho está preso em algum lugar? Será que ele está indo para alguma experiência?
Nossa... eu fiquei transtornada porque não tinha coragem de levantar no meio da explicação... até que em um pequeno intervalo, saí quase correndo da sala, e para minha surpresa não havia gato algum lá fora...
Aquilo me intrigou... mas... os dias foram passando... até que ontem, eu estava no meio da aula e o gatinho novamente me surpreendeu. desta vez não contei história, pedi licença e saí da sala em direção ao "miado". Para minha surpresa, o som não era de um gato, mas de um pássaro.
Fiquei paralisada, um pássaro que eu nunca havia visto, e por incrível que pareça, nunca tinha ouvido falar...
Foi então que outros colegas se aproximaram e me disseram se tratar do pássaro "alma de gato". E nem preciso justificar o nome não é mesmo?
Intrigante e surpreendente, o som é idêntico, sem nenhuma diferença, a não ser quando olhamos para quem o emite.
O 'alma de gato' (Piaya cayana) é portanto um pássaro da família cuculidae (dos cucos) e é comum nas regiões de matas e cerrado, indo da Argentina ao México.
Voa silenciosamente e rapidamente à procura de insetos, daí eu não tê-la visto no primeiro dia que ouvi o seu canto (miado) ;)
O que sei, é que mais uma vez vale o ditado:
"A natureza é o único livro que oferece um conteúdo valioso em todas as suas folhas." (Johann Goethe)
Boa noite meus amados!

2 comentários:

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil! - disse...

VejaBlog
Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil!
http://www.vejablog.com.br

Parabéns pelo seu Blog!!!

Você está fazendo parte da maior e melhor
seleção de Blogs/Sites do País!!!
- Só Sites e Blogs Premiados -
Selecionado pela nossa equipe, você está agora entre
os melhores e mais prestigiados Blogs/Sites do Brasil!

O seu link encontra-se no item: Blog

http://www.vejablog.com.br/blog

- Os links encontram-se rigorosamente
em ordem alfabética -

Um forte abraço,
Dário Dutra

http://www.vejablog.com.br
....................................................................

William disse...

Eu também fiquei surpreso, pois chega umas 4 horas da tarde e começo ouvir um miado, como aqui em minha casa tem muitos gatos achei que alguma fêmia tinha tido filhotes, e ficava procurando aonde estava esse gato, até que vi esse pássaro. é realmente muito curioso um pássaro que mia, mas aqui tem aparecido alguns pássaros que nunca vi. semana passada me deparei com um passáro preto de pernas longas.